pixel
pixel
pixel
cadastro | dúvidas | fale conosco | links | mapa do site  
pixel
pixel
Busca:
pixel
pixel
pixel
pixel

Áreas Temáticas

Resultados do Procel

Selo Procel Edificações

Pesquisa de Posse e Hábitos

Potencial de EE para Indústria

Eficiência nas escolas

Aquecimento solar de água

Dicas
  Você está em: Procel Info »  Notícias e Reportagens »  Notícias
Notícias
voltar

14.12.15
|
Eficiência Energética para um mundo sustentável
Fonte: Gazeta do Povo - 14.12.2015
Paraná - Durante a realização da Cúpula das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável 2015, ocorrida na sede da ONU, em Nova York, no período de 25 a 27 de setembro de 2015, foi oficialmente adotada a nova Agenda de Desenvolvimento Sustentável Pós-2015 a qual passou a ser denominada de Agenda 2030.

A Agenda 2030 constitui conjunto de ações, programas e diretrizes que orientarão os necessários trabalhos em direção ao Desenvolvimento Sustentável do nosso Planeta com vistas a materializarmos o futuro que todos almejamos. Para tanto foram definidos, em consenso pelos Delegados dos Estados-Membros da ONU, um total de 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) e correspondentes 169 metas.

Assegurar o acesso confiável, sustentável, moderno e a preço acessível à energia para todos constitui, em particular, o ODS 7 o qual estabelece que até 2030 deveremos conseguir: (a) o aumento substancial da participação de energias renováveis na matriz energética global; (b) dobrar a taxa mundial de melhoria da eficiência energética; (c) reforçar a cooperação internacional no campo das pesquisas para o desenvolvimento de tecnologias de energia limpa, energias renováveis, eficiência energética e tecnologias de combustíveis fósseis avançadas e mais limpas; (d) garantir o acesso pleno e a preços acessíveis a serviços de energia para todos; (e) promover investimentos em infraestrutura de energia e em tecnologias de energia limpa; bem como, (f) expandir a infraestrutura e modernizar a tecnologia para o fornecimento de inovadores e sustentáveis serviços de energia nos países em desenvolvimento.

No mundo atual, porém, a despeito do desenvolvimento que presenciamos, cerca de 1,3 bilhão de pessoas (uma em cada cinco) não têm acesso à eletricidade moderna; mais de três bilhões de pessoas dependem de madeira, carvão vegetal ou dejetos animais para cozinhar e se aquecer; aproximadamente 15% do conjunto global de energia utilizada no planeta corresponde à energia de fontes renováveis a qual é uma energia inexaurível e limpa; sem levar em conta que 60% das emissões globais totais de gases do efeito estufa é proporcionado pelo uso da energia. Com base nestes poucos exemplos, já é possível dizer que vivemos em um mundo no qual a sustentabilidade não conversa de perto com a produção de energia no mundo. É urgente, portanto, trabalharmos globalmente para atingirmos o ODS 7.

De outro lado, mas, também, intrinsecamente relacionada, é premente colocarmos em imediata discussão a necessidade de se investir em fontes alternativas de energia em conjunto com a avaliação de possíveis soluções para as dificuldades enfrentadas no campo da energia de forma a promover a redução de custos e a obtenção de novas tecnologias que permitam, em particular, a Eficiência Energética em nossa Nação e no Mundo.

No sentido precedentemente aventado precisamos chamar a atenção, em particular, para o fato de existir um atraso no Brasil, em relação a outros países e inclusive do Paraná em relação a outros estados de nossa Federação, quanto aos temas relacionados à eficiência energética das nossas plantas industriais e demais edificações.

Na atual sociedade nossas atividades exigem cada vez mais a utilização de distintas formas de energia. Todavia, a utilização das formas de energia existentes envolve, necessariamente, transformações que levam à perda de parte destas energias gerando, inevitavelmente, desperdícios e elevados custos. Assim, estudos sobre a Eficiência Energética são solicitados constantemente. Uma lâmpada, por exemplo, transforma a eletricidade em luz e calor. Se o objetivo da lâmpada é iluminar, uma medida da sua Eficiência Energética é obtida dividindo a energia da luz pela energia elétrica usada pela lâmpada. Com base no parâmetro inicial estabelecido é possível, então, realizar estudos e pesquisas que objetivem a otimizar a correspondente energia para “fazer mais com menos”.

Não havendo, entretanto, estudos sobre a Eficiência Energética, os desperdícios de energia vão se multiplicando à medida que a energia vai migrando por todos os setores da economia. A ampliação da Eficiência Energética pretendida pode tanto estar voltada para a redução nos custos quanto para a diminuição no consumo de energia. De outro lado, há de se ponderar, ainda, que a economia de energia, em um mundo em constante evolução, passa a constituir prerrogativa de gestão competente e assume um significativo diferencial tanto no mundo da competitividade quanto no campo da sustentabilidade.

Diante das complexidades e dificuldades do quadro atual relacionado à produção de energia, os correspondentes gastos, bem como os desperdícios somos solicitados a desenvolver parcerias com os distintos setores da sociedade para identificarmos soluções para a redução de custos e para a obtenção de novas tecnologias que visem a Eficiência Energética tanto no setor industrial (principalmente) quanto no desenvolvimento diário de nossas vidas. Unamos, então, nossas forças e conhecimentos para atingirmos brevemente o ODS 7 e para garantirmos a sustentabilidade no campo energético de forma global.

*Artigo escrito por Carlos Magno Corrêa Dias, professor na Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) e coordenador do Núcleo de Instituições de Ensino Superior (NIES) do Conselho Paranaense de Cidadania Empresarial (CPCE). O Conselho Paranaense de Cidadania Empresarial – CPCE é colaborador voluntário do blog Giro Sustentável.

Esta notícia não é de autoria do Procel Info, sendo assim, os créditos e responsabilidades sobre o seu conteúdo são do veículo original, exceto no caso de notícias que tenham necessidade de transcrição ou tradução, visto que se trata de uma versão resumida pelo Procel Info. Para acessar a notícia em seu veículo original, clique aqui.
  
Veja aqui a lista completa
Imagem para contabilização de acessos a páginas
Envie a um amigo
Imprimir
pixel
Imagem para contabilização de acessos a páginas