pixel
pixel
pixel
cadastro | dúvidas | fale conosco | links | mapa do site  
pixel
pixel
Busca:
pixel
pixel
pixel
pixel

Áreas Temáticas

Resultados do Procel

Selo Procel Edificações

Pesquisa de Posse e Hábitos

Potencial de EE para Indústria

Eficiência nas escolas

Aquecimento solar de água

Dicas
  Você está em: Procel Info »  Notícias e Reportagens »  Notícias
Notícias
voltar

04.03.20
|
Projeto Eletroposto desenvolve infraestrutura de recarga de veículos elétricos
Fonte: Procel Info - 04.03.2020
Pernambuco – Em sintonia com as demandas sustentáveis da sociedade global e o incentivo ao uso de energias renováveis, será realizado o projeto Eletroposto (Soluções de Suporte à Expansão da Infraestrutura de Recarga de Veículos Elétricos), com coordenação geral da UFPE (Universidade Federal de Pernambuco). A iniciativa, que começa este ano, foi classificada na Chamada Estratégica nº 22 da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), voltada a projetos que busquem soluções inovadoras no setor de energia para gestão e eficiência da mobilidade urbana.

O projeto Eletroposto prevê a elaboração de dois produtos, que enfocam o desenvolvimento e a expansão da infraestrutura de recarga de veículos elétricos, com impacto reduzido à rede de distribuição, mediante o desenvolvimento de eletropostos que associem estações de recarga, armazenamento de energia em baterias de Chumbo-Carbono e sistemas fotovoltaicos conectados à rede, todos integrados por um sistema de gerenciamento de energia, o EMS (Energy Management System). Entre as atividades da pesquisa, a ser desenvolvida durante quatro anos, está a elaboração do projeto de integração do carregador veicular, do sistema de comunicação e da operação integrada com sistemas renováveis.

A iniciativa é financiada pela Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL) e conta com parceria do Instituto de Tecnologia Edson Mororó Moura (Itemm), do Instituto Avançado de Tecnologia e Inovação (Iati) e de Acumuladores Moura. O projeto será desenvolvido simultaneamente no Recife (UFPE e Iati) e no município de Belo Jardim (PE), onde estão sediados a Moura e o Itemm. A infraestrutura desenvolvida será implementada no estado de São Paulo, sede da CPFL.

As atividades começam este ano, com a criação de uma versão protótipo do Eletroposto. Ao longo dos anos de 2021 e 2022, serão instalados os modelos finais em suas versões pequena e grande. Já em 2023, último ano do projeto, serão feitos o monitoramento do desempenho e a melhoria do sistema, de acordo com as necessidades identificadas. O contrato de prestação de serviços do projeto foi assinado, no dia 18 de fevereiro, na UFPE. O valor total é de aproximadamente R$ 17 milhões, sendo em torno de R$ 2,5 milhões em contrapartida – este valor, em grande parte, será custeado por Acumuladores Moura. Para a UFPE, o valor destinado é de R$ 3 milhões.

De acordo com o vice-reitor, Moacyr Araújo, o projeto está afinado com a Agenda 2030 e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU). “O que temos que fazer é incentivar esse tipo de iniciativa e sincronizar isso com a gestão e com as atividades que estão sendo desenvolvidas nas diferentes áreas dentro dos campi”, defende.

Ainda no âmbito do projeto, a universidade será a coordenadora da Rede de Inovação Tecnológica para o Setor Elétrico (Rise), com a participação de Acumuladores Moura (representando a indústria), Itemm e Iati (institutos de tecnologia) e o conjunto de empresas da CPFL (representando o setor elétrico). Com criação prevista na chamada estratégica da Aneel, a rede irá propor ações paralelas para divulgação científica e fomentará alterações nas normas brasileiras nesta área.

A equipe da UFPE no projeto Eletroposto é composta por mais de dez pesquisadores, incluindo docentes e alunos de graduação e pós-graduação em Engenharia Elétrica do Centro de Tecnologia e Geociências (CTG)/Campus Recife. Além do professor Luiz Henrique Alves de Medeiros, o grupo conta com os docentes Pedro Rosas (coordenador da área de integração elétrica); Alexsander Lima e José Castro (acompanhamento); Leonardo Limongi, Fabrício Bradaschia e Gustavo Medeiros (coordenadores do time de eletrônica de potência); Márcio Evaristo e Geraldo Maia (coordenadores do time de controle e automação).

*Com informações da UFPE
  
Veja aqui a lista completa
Imagem para contabilização de acessos a páginas
Envie a um amigo
Imprimir
pixel
Imagem para contabilização de acessos a páginas