pixel
pixel
pixel
cadastro | dúvidas | fale conosco | links | mapa do site  
pixel
pixel
Busca:
pixel
pixel
pixel
pixel

Áreas Temáticas

Resultados do Procel

Selo Procel Edificações

Pesquisa de Posse e Hábitos

Potencial de EE para Indústria

Eficiência nas escolas

Aquecimento solar de água

Dicas
  Você está em: Procel Info »  Notícias e Reportagens »  Notícias
Notícias
voltar

14.11.19
|
AIE: mudança climática obriga a transformar produção de energia no mundo
Fonte: AFP - 13.11.2019
John MACDOUGALL
França - O sistema energético global deve realizar transformações rápidas e maciças, como a redução de petróleo e o desenvolvimento de energias renováveis, para enfrentar as mudanças climáticas - alertou a Agência Internacional de Energia (AIE) nesta quarta-feira (13).

"O mundo precisa urgentemente concentrar sua atenção, com a precisão de um laser, na redução de emissões planetárias", disse Fatih Birol, diretor-executivo da agência com sede em Paris, na apresentação de seu relatório anual.

"Para isso, é necessária uma grande coalizão entre governos, investidores, empresas e todos aqueles que estão engajados na luta contra as mudanças climáticas", afirmou.

"A resposta dos governos e da indústria está longe de ser satisfatória", lamentou em uma entrevista coletiva em Paris.

No ano passado, a demanda de energia aumentou significativamente, assim como as emissões de CO2 relacionadas à energia, que atingiram "um nível histórico mais alto", afirmou Birol.

A AIE menciona, em um cenário de desenvolvimento sustentável, o que é necessário para limitar as emissões, de acordo com os objetivos do Acordo de Paris, de conter o aquecimento abaixo de 2°C e a 1,5°C, se possível, em relação aos níveis pré-industriais.

Esse cenário "precisa de mudanças rápidas e generalizadas em todo sistema energético", alertou a AIE. "Não existe uma solução simples, ou única, para transformar os sistemas globais de energia", acrescentou Birol.

Em primeiro lugar, supõe que a demanda por energia seja menor em 2040 do que é hoje, apesar do crescimento da economia mundial, graças aos esforços de eficiência energética.

Além disso, é necessário que o consumo de petróleo caia para 65 milhões de barris por dia em 2040 (comparado a 97 milhões no ano passado), um nível que corresponde ao do início dos anos 1990.

Em contrapartida, a eletricidade deve crescer e ocupar o primeiro lugar no consumo final de energia, em detrimento do petróleo até 2040. As novas capacidades elétricas devem prosseguir quase exclusivamente pelas energias renovável, eólica e solar.

"Colocar os sistemas elétricos em um caminho sustentável exigirá mais do que a simples soma de fontes renováveis", alerta a AIE.

A agência destaca ainda a necessidade de atacar também as emissões vinculadas ao sistema existente, em particular o carvão, que é muito poluente.

Esta notícia não é de autoria do Procel Info, sendo assim, os créditos e responsabilidades sobre o seu conteúdo são do veículo original, exceto no caso de notícias que tenham necessidade de transcrição ou tradução, visto que se trata de uma versão resumida pelo Procel Info. Para acessar a notícia em seu veículo original, clique aqui.
  
Veja aqui a lista completa
Imagem para contabilização de acessos a páginas
Envie a um amigo
Imprimir
pixel
Imagem para contabilização de acessos a páginas