pixel
pixel
pixel
cadastro | dúvidas | fale conosco | links | mapa do site  
pixel
pixel
Busca:
pixel
pixel
pixel
pixel

Áreas Temáticas

Resultados do Procel

Selo Procel Edificações

Pesquisa de Posse e Hábitos

Potencial de EE para Indústria

Eficiência nas escolas

Aquecimento solar de água

Dicas
  Você está em: Procel Info »  Notícias e Reportagens »  Notícias
Notícias
voltar

07.10.19
|
CPFL ajuda hospitais a reduzir contas
Fonte: Correio Popular - 05.10.2019
Brasil – Energia solar e lâmpadas LED nos hospitais — que geram economia de 30% a 50% no consumo de energia nas unidades de saúde — começarão a ser implantadas pela CPFL Energia em Campinas e em todos os municípios de abrangência da companhia nos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Paraná e Rio Grande do Sul.

O Programa CPFL nos Hospitais foi anunciado ontem e, ao todo, serão investidos R$ 150 milhões em aproximadamente 200 unidades hospitalares públicas e filantrópicas nos próximos três anos.

Em Campinas, foram confirmados investimentos no Centro Infantil Boldrini e na Santa Casa/Hospital Irmãos Penteado. Outras unidades de saúde do município estão na lista para receber os benefícios, mas não formalizaram ainda o acordo porque estão na fase de avaliação de projetos. Vale destacar que a Santa Casa de Vinhedo já recebeu o sistema na primeira etapa de aplicação do programa, quando oito cidades-piloto de São Paulo e do Rio Grande do Sul ganharam os sistemas.

Rafael Lazzaretti, diretor de Estratégia e Inovação da CPFL Energia, disse que as novas instalações de sistemas de energia solar e iluminação LED — além de oferecer um processo limpo e respeitar normas de proteção ao meio ambiente — vão gerar economia entre 30% e 50% nos gastos com energia para as unidades hospitalares. “Ao final do programa, é esperado que os hospitais economizem aproximadamente R$ 18 milhões por ano em suas contas de energia”, afirmou.

A medida vai além das questões de meio ambiente e economia, e reflete de forma direta no atendimento ao público. “O programa representará melhorias também no atendimento médico, que poderá utilizar esta economia de energia nos hospitais na compra de novos equipamentos e medicamentos, na contratação de funcionários e investimento em outros projetos de atendimento à população na área médica”, afirmou.

O diretor revelou que o investimento de R$ 150 milhões em sistemas de fornecimento de energia solar fotovoltaica e iluminação LED em hospitais é o maior aporte já registrado no Brasil dentro de Programas de Eficiência Energética.

Segundo Lazzaretti, o investimento será nas quatro distribuidoras — CPFL Paulista, CPFL Piratininga, CPFL Santa Cruz e RGE — do Grupo CPFL. “Atenderá até 200 hospitais com a instalação de usinas fotovoltaicas e a substituição de lâmpadas com tecnologia obsoleta por modelos mais eficientes, de LED”, afirmou.

O programa tem mapeado cerca de 80 hospitais e, inicialmente, dará a oportunidade a essas instituições de reduzirem os gastos com suas faturas de energia elétrica e investirem o dinheiro economizado em outras áreas, para melhoria do atendimento, beneficiando a comunidade e a região onde estão inseridos.

Além do benefício da redução nas contas dos hospitais, a iniciativa também gera ganhos ambientais. Lazzaretti explicou que o menor consumo de energia elétrica evita, por exemplo, o acionamento de usinas térmicas, mais caras e poluentes. “A implantação de energia solar fotovoltaica nos clientes reforça o compromisso da CPFL com o meio ambiente e a sustentabilidade, através de uma matriz energética renovável e limpa”, disse.

Programa CPFL

O Programa CPFL Hospitais vai reforçar e dar continuidade a uma iniciativa conduzida pelo Instituto CPFL, que há muitos anos investe na melhoria das condições dos hospitais, por meio do Programa Nacional de Apoio à Atenção Oncológica (Pronon) e dos Conselhos Municipais do Idoso (CMI).

Rafael Lazzaretti, diretor de Estratégia e Inovação da CPFL Energia, disse que o novo programa poderá ampliar a oferta de serviços e expandir a prestação de serviços médico-assistenciais, apoiar a formação, o treinamento e o aperfeiçoamento de recursos humanos. “Poderá também auxiliar nas pesquisas clínicas, epidemiológicas, experimentais e socioantropológicas”, exemplificou.

Desde 2018 estão em andamento investimentos que somam R$ 4,8 milhões, que incluem melhorias nos hospitais do Instituto do Câncer (Fortaleza - CE), Hospital Fornecedores de Cana de Piracicaba (SP), Hospital Infantil Varela Santiago (Natal - RN), Hospital de Caxias do Sul (RS), Hospital de Amor de Barretos (SP) e Hospital Comunitário São Peregrino Lazziozi de Veranópolis (RS).

Lazzaretti afirmou que o programa vai permitir, ainda, que os clientes realizem doações para os hospitais por meio da conta de energia. Essas doações aumentam a arrecadação dos hospitais e Santas Casas, permitindo que sejam feitos investimentos na melhoria das condições de atendimento.

A companhia já oferece esse serviço para 94 hospitais nos estados do Rio Grande do Sul e de São Paulo e a iniciativa de doação arrecada em média R$ 3,7 milhões por ano, recursos que auxiliam a gestão diária dos hospitais participantes. O objetivo é expandir essa iniciativa em 2019 e 2020. Um exemplo concreto é a adesão da Santa Casa de Chavantes, que passará a receber doação a partir deste mês.

Esta notícia não é de autoria do Procel Info, sendo assim, os créditos e responsabilidades sobre o seu conteúdo são do veículo original, exceto no caso de notícias que tenham necessidade de transcrição ou tradução, visto que se trata de uma versão resumida pelo Procel Info. Para acessar a notícia em seu veículo original, clique aqui.
  
Veja aqui a lista completa
Imagem para contabilização de acessos a páginas
Envie a um amigo
Imprimir
pixel
Imagem para contabilização de acessos a páginas