pixel
pixel
pixel
cadastro | dúvidas | fale conosco | links | mapa do site  
pixel
pixel
Busca:
pixel
pixel
pixel
pixel

Áreas Temáticas

Resultados do Procel

Selo Procel Edificações

Pesquisa de Posse e Hábitos

Potencial de EE para Indústria

Eficiência nas escolas

Aquecimento solar de água

Dicas
  Você está em: Procel Info »  Notícias e Reportagens »  Notícias
Notícias
voltar

06.09.19
|
Paraná terá escolas geradoras de energia fotovoltaica
Fonte: EPBR - 06.09.2019
Paraná – O governo do estado do Paraná assinou nesta semana um memorando de entendimento para tirar do papel um projeto capaz de transformar as cerca de 4 mil escolas municipais do estado em unidades geradoras de energia solar fotovoltaica. O objetivo é qualificar as instalações à condição de consumo zero de energia de origem externa.

O memorando foi assinado pelo secretário de Desenvolvimento Urbani e Obras Públicas e superintendente do Serviço Social Autônomo (Paranacidade), João Carlos Ortega, com o a agência de fomento do estado (Fomento Paraná) e o Green Building Council Brasil (GBC BR), responsável por emitir selos de eficiência energética reconhecidos internacionalmente.

Na primeira fase do projeto, prefeituras de seis municípios terão R$ 30 milhões do Sistema de Financiamento dos Municípios (SFM) disponibilizados pela Fomento Paraná para a instalação de painéis solares em 180 escolas, mediante contrapartidas das prefeituras.

O projeto terá ainda o envolvimento da Copel. Através do seu programa de eficiência energética, a distribuidora será responsável por analisar as necessidades de demanda de energia de cada escola. O foco é tornar equipamentos instalados, como lâmpadas e aparelhos de ar condicionado, mais eficientes.

Após o consumo mínimo ser alcançado, o segundo passo será a elaboração do projeto de geração de energia fotovoltaica, pelo GBC BR. A instalação do sistema de geração será financiada com os recursos da Fomento Paraná através de solicitação da Secretaria do Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas.

O Paranacidade fará a fiscalização do processo com apoio técnico. Ao final do processo, as escolas receberão certificado do GBC BR. Segundo o diretor executivo do GBC BR, Felipe Faria, a instituição prevê a possibilidade de as escolas alcançarem “o índice de energia zero”, com zero demanda de energia da distribuidora.

De acordo com ele, a certificação apenas das 180 escolas da primeira fase do projeto colocará o Paraná na segunda posição em todo o mundo nesse tipo de projeto. “Apenas na Califórnia, nos Estados Unidos, há um número maior de escolas nesse conceito”, disse Faria.

A Copel estima que o potencial de geração de energia fotovoltaica no Paraná alcance 18 GW. O volume é superior à capacidade de produção de Itaipu, com 14 GW.

Esta notícia não é de autoria do Procel Info, sendo assim, os créditos e responsabilidades sobre o seu conteúdo são do veículo original, exceto no caso de notícias que tenham necessidade de transcrição ou tradução, visto que se trata de uma versão resumida pelo Procel Info. Para acessar a notícia em seu veículo original, clique aqui.
  
Veja aqui a lista completa
Imagem para contabilização de acessos a páginas
Envie a um amigo
Imprimir
pixel
Imagem para contabilização de acessos a páginas