pixel
pixel
pixel
cadastro | dúvidas | fale conosco | links | mapa do site  
pixel
pixel
Busca:
pixel
pixel
pixel
pixel

Áreas Temáticas

Resultados do Procel

Selo Procel Edificações

Pesquisa de Posse e Hábitos

Potencial de EE para Indústria

Eficiência nas escolas

Aquecimento solar de água

Dicas
  Você está em: Procel Info »  Notícias e Reportagens »  Reportagens
Reportagens
voltar

Assunto: Revista Lumière Electric - Novembro 2018
18.02.19
|
No rumo da verticalização sustentável
São Paulo - A quantidade de construções verdes cresceu substancialmente nos últimos anos, e as expectativas para o setor são promissoras. Contudo, ainda persistem alguns entraves, como o desconhecimento sobre o tema e a falta de profissionais capacitados

São Paulo – Iluminação eficiente, utilização racional e inteligente de água e energia, preservação do meio ambiente e iniciativas sustentáveis empregadas desde a concepção da obra até a edificação construída são alguns dos fatores avaliados em um empreendimento para a concessão de uma certificação energética ou ambiental. O número de empreendimentos "verdes" cresceu exponencialmente nos últimos anos no Brasil, e mesmo com alguns problemas a serem resolvidos, como o desconhecimento sobre o tema e a falta de profissionais qualificados, segundo especialistas, o futuro desse mercado pode ser promissor.

Atualmente, o País ocupa a quarta posição no ranking com o maior número de projetos registrados e certificados em Leadership in Energy and Environmental Design (LEED). O LEED está presente em 167 países e é organizado pelo Green Building Council (GBC). As certificações identificam e classificam os empreendimentos com melhor desempenho energético e de sustentabilidade. motivando as construtoras a investirem em sistemas eficientes.

Iniciativas sustentáveis, como a economia de água e energia elétrica e preservação da fauna e da flora, são essenciais para garantir à população um futuro com melhor qualidade de vida e bem-estar. Nos grandes centros urbanos. essa preocupação tende a ser ainda maior, pois estima-se que até 2050, 68% da população mundial viverá nas metrópoles. Essa previsão ressalta a importância de uma urbanização inteligente e planejada, minimizando, assim, os impactos nocivos à natureza e ao ser humano.

Segundo o Ministério do Meio Ambiente (MMA), hoje as duas certificações ambientais mais adotadas na construção civil brasileira são o LEED e o Processo Aqua (alta qualidade ambiental) — certificação brasileira com base na francesa Haute Qualité Environnemetale (HQE) e implantada pela Fundação Vanzolini. Ambas as certificações levam em consideração aspectos fundamentais da construção sustentável, atribuindo pontos a cada item de sustentabilidade conquistado pelo empreendimento.

O mercado conta também com o Selo Procel Edificações e com a Etiqueta PBE Edifica. O Selo Procel é outorgado pela Eletrobras e identifica as edificações que apresentam as melhores classificações de eficiência energética em uma dada categoria. Já a etiquetagem de edifícios (PBE Edifica) possibilita o conhecimento do nível de eficiência energética dos edifícios, mostrando-se como um retrato do potencial de economia de energia na etapa de projeto ou da obra construída.
Clique no link abaixo e leia a reportagem na íntegra
Revista Lumière Electric- Novembro 2018.pdf
Imagem para contabilização de acessos a páginas
Envie a um amigo
Imprimir
pixel
Imagem para contabilização de acessos a páginas